Fique Atento aos Sintomas de Tumor Cerebral

Os tumores são corpos estranhos que se formam a partir do acumulo de células defeituosas que se desenvolvem em algum tecido do nosso organismo.

Essas células irregulares começam a consumir o tecido e a se espalhar, transformando outras células que antes eram plenamente saudáveis em células cancerosas.

Um tumor pode ser benigno, se não prejudica o organismo e não cresce desenfreadamente.

Pode ser maligno, se consome os tecidos em volta causando a sua necrose e outros prejuízos irreparáveis. Quando um tumor é maligno se configura o câncer.

O nome e característica do câncer vão depender do tipo de tumor e da sua localização.

Os tumores cerebrais são talvez os mais perigosos, pois o cérebro é sem dúvida nosso órgão mais importante, responsável por nossas capacidades cognitivas e motoras, bem como do nosso domínio em relação a nós mesmos e é responsável pelo pensamento.

Esse artigo se dedica a esclarecer os principais sintomas dos tumores cerebrais para que você possa descobrir o tumor prematuramente e buscar o tratamento médico adequado.

Sintomas Gerais de Tumor no Cérebro

Independentemente da parte do cérebro afetada pelo tumor, este pode causar uma pressão na parte interna do crânio, o que provoca uma série de sintomas.

Esses sintomas relacionados a todos os tumores cerebrais quando estes crescem são:

  • Dor de cabeça;
  • Vômitos;
  • Visão turva;
  • Náuseas;
  • Convulsões;
  • Sonolência;
  • Problemas de equilíbrio;
  • Alterações na personalidade ou comportamento.

Sintomas Específicos do Tumor no Cérebro

Cada região do cérebro é responsável por uma ou várias funções fundamentais do nosso organismo. Essas funções são afetadas caso haja um tumor nessa área.

Portanto, um tumor terá efeitos diferentes dependendo de onde está localizado. Os sintomas de tumor no cérebro de acordo com a sua localização são:

Tumores na área da linguagem podem provocar dificuldades na fala e no entendimento do que outras pessoas dizem;

Tumores cerebrais na área que controla o movimento ou sensações podem causar uma dormência que pode ou não ser acompanhada de fraqueza na maioria das vezes, de apenas um lado do corpo;

Tumores cerebrais na área denominada gânglios da base provocam perda de controle dos movimentos e prejuízos no equilíbrio;

Tumores no cerebelo fazem com que o simples ato de andar ou fazer uma atividade comum se torne muito difícil;

Tumores na parte posterior do cérebro ou em torno da glândula pituitária podem causar diversos problemas, o mais grave é o de visão, pois podem afetar o nervo óptico;

Tumores localizados perto de nervos cranianos têm o risco de provocar a perda auditiva, fraqueza em músculos faciais, dificuldades no equilíbrio e na deglutição;

Tumores na medula espinhal causam falta de coordenação nos membros inferiores e superiores, fraqueza, torpor, e incontinência urinária ou fecal;

Tumores na área frontal do nosso cérebro podem causar mudanças de personalidade, na forma de pensar e na linguagem.