Causas, Sintomas e Tratamentos para o Lúpus

O lúpus é uma doença autoimune que pode atacar qualquer parte do corpo. Doença autoimune é uma doença que ataca o sistema imunológico, fazendo com que ele se desregule e ataque o próprio organismo, causando inflamações entre outros vários problemas.

Uma a cada duas mil pessoas possui esse problema, sendo mais comum em mulheres negras e latinas (atingindo 1 a cada 245).O lúpus atinge nove mulheres para um homem.

Como o lúpus é predominante onde há maior incidência de raios solares, deve ser uma preocupação inerente de nós, brasileiros.

Por isso, fazemos esse importante artigo, que pretende da forma mais resumida e didática, detalhar as características predominantes dessa grave doença, tais como causas, sintomas e tratamentos, para que você esteja pronto (a) para o caso de bater de frente com esse mal que está misteriosamente se tornando mais e mais comum.

Causas para o Lúpus

As causas do lúpus ainda estão sendo estudadas, devido a grande complexidade dessa doença.

Porém, até o momento os especialistas acreditam que o fator genético, somado ao meio ambiente possam ser responsáveis pelo desenvolvimento da doença, além da luz solar e alguns antibióticos que tratam convulsões e pressão alta.

Sintomas para o Lúpus

Os sintomas do lúpus normalmente estão relacionados ao ataque que as células do sistema imunológico fazem contra o próprio corpo da pessoa. Os principais sintomas do lúpus são:

Fadiga;

Febre;

Dor nas articulações;

Lesões na pele que surgem ou pioram quando expostas ao sol;

Dificuldade para respirar;

Dor no peito ao inspirar profundamente;

Sensibilidade à luz do sol;

Dor de cabeça, confusão mental e perda de memória;

Linfonodos aumentados;

Queda de cabelo;

Feridas na boca;

Desconforto geral, ansiedade, mal-estar;

Rigidez muscular e inchaços;

Rash cutâneo – vermelhidão na face em forma de “borboleta” sobre as bochechas e a ponta do nariz. Afeta cerca da metade das pessoas com lúpus. O rash piora com a luz do sol e também pode ser generalizado.

Existem ainda os sintomas específicos do lúpus, sintomas esses que vão depender da região do corpo afetada pelo lúpus, lembrando que essa doença pode afetar qualquer parte do corpo.

Os sintomas específicos do lúpus são:

Cérebro e sistema nervoso: cefaleia, dormência, formigamento, convulsões, problemas de visão, alterações de personalidade;

Pulmão: tosse com sangue e dificuldade para respirar;

Trato digestivo: dor abdominal, náuseas e vômito;

Coração: ritmo cardíaco anormal (arritmia);

Pele: coloração irregular da pele, dedos que mudam de cor com o frio (fenômeno de Raynaud).

Tratamento para o Lúpus

Se o lúpus se apresenta em sua forma branda os principais tratamentos são:

Anti-inflamatórios não esteroides para artrite e pleurisia;

Corticoide tópico para pequenas lesões cutâneas;

Protetor solar para as lesões de pele;

Uma droga antimalárica (hidroxicloroquina) e corticoides de baixa dosagem para os sintomas de pele e artrite.

No caso de a doença se agravar, os tratamentos são:

Drogas cito tóxicas (drogas que bloqueiam o crescimento celular);

Alta dosagem de corticoides ou medicamentos para diminuir a resposta do sistema imunológico do corpo (imunossupressores).