Ácido Úrico – Sintomas, Exames e como Baixar

O ácido úrico é uma substância composta pelo organismo por meio da decomposição da purina, que pode ser encontrada em alguns alimentos, como marisco, feijão e carne.

Em geral, o ácido úrico não causa problemas de saúde e é facilmente eliminado pelos rins, entretanto, quando ocorre um problema renal, o ácido úrico tem tendência de se acumular nos tecidos, dando origem a doenças graves como a Gota, que provoca dores e inflamações nas articulações.

O ácido úrico alto tem cura, porque, os seus desequilíbrios podem ser controlados por meio de uma alimentação equilibrada, pobre em alimentos com proteínas e rica em água.

Sintomas do Ácido Úrico

Os principais sintomas do ácido úrico alto são: a vermelhidão, inchaço, dor e dificuldade em movimentar as articulações, principalmente, nos dedos das mãos, dos pés, calcanhar, tornozelos e joelhos.

Um sintoma muito comum nas pessoas que estão com o ácido úrico alto é o surgimento constante de pedras nos rins, que provocam dor muito forte nas costas e dificuldade de urinar.

Exame de Ácido Úrico

O exame de ácido úrico, geralmente, é pedido pelo médico quando a pessoa apresenta um quadro de dor nas articulações, ou quando existem suspeitas de alguma doença mais grave como leucemia ou lesão renal.

O exame de ácido úrico pode ser realizado através do exame de sangue ou por meio da análise da urina, sendo que os valores usados como referência são:

Valor do ácido úrico no sangue

Homem: 3,4 – 7,0 mg/dl

Mulher: 2,4 – 6,0 mg/dl

Valor do ácido úrico na urina

Mulher e homem: 0,24 – 0,75 g/dia

É muito comum que os valores de ácido úrico nos pacientes estejam acima dos valores de referência, quando isso ocorre é necessário iniciar o tratamento para o ácido úrico alto o mais rápido possível.

Como Baixar o Ácido Úrico

Para baixar o ácido úrico alto, o paciente deverá ser tratado por um reumatologista.

O tratamento é composto por uso de medicamentos para ácido úrico e remédios anti-inflamatórios para diminuir as dores nas articulações.

Durante o tratamento é fundamental fazer uma dieta especializada para ácido úrico. Evitando consumir alimentos ricos em purina como frutos do mar, peixes e carnes vermelhas e dando preferência a alimentos naturais no lugar de industrializados.

Na dieta para diminuir o ácido úrico do organismo é necessário beber de 2 a 3 litros de água por dia e aumentar a ingestão de alimentos ricos em vitamina C, como acerola, kiwi, abacaxi e laranja, pois, eles ajudam a eliminar o ácido úrico pelos rins e evitam a formação de cálculos renais.

Portanto se está com o ácido úrico alto em seu organismo siga o tratamento à risca e faça a dieta, assim, em pouco tempo poderá se curar.